quinta-feira, 5 de abril de 2012

Sonho de Criança


Desde pequena que os aviões e tudo o que está relacionado com os mesmos me deixa um brilho nos olhos e um calor no coração! Ainda me lembro de me pendurar toda na janela do carro sempre que um passava por cima e dizia: "Mãe, Pai, olhem um aviãoooo"...

Hoje em dia, a caminho do trabalho, passo todos os dias pelo aeroporto e consigo desde vê-los ao fundo estacionados, até em descolagem! Torço-me toda sentada no banco da camioneta só para conseguir ver a pista durante mais uns segundos!

Sim, é parvo! Tal como é parvo eu desde sempre ter dito que queria pilotar aviões nunca tendo passado pela fase de "Quero ser enfermeira, professora, veterinária, etc". A minha resposta sempre foi a mesma desde que me lembro de ser gente "Eu quero ser pilota de aviões!".

Hoje em dia, sei que isso é impossível, pois as dificuldades de visão são um entrave a qualquer pessoa que queria ingressar numa carreira destas. No entanto, o desejo continua aqui e a ânsia de sentir uma daquelas máquinas nas minhas mãos e a liberdade que me transmite, pensar em poder estar naquele lugar onde tantas vezes já me imaginei, acho que nunca me vai abandonar!

Acho que este será sempre o meu desejo mais caro! <3


P.S - E hoje a caminho de casa vinda do trabalho (com os olhos na pista do aeroporto de Lisboa) fiz-me prometer a mim mesma que partilharia isto hoje no meu blogue visto que já não vinha aqui a há imenso tempo e visto que isto é algo que marca todos os dias da minha vida :)


Beijinhos a todos**

1 comentário:

Rafael Alves disse...

Que engraçado! Eu sou como tu! Bem... eu quando era pequeno não dizia que queria ser piloto de aviões. Na altura dizia que queria ser maquinista de comboios. :P Mas mais tarde também dizia que queria pilotar aviões. No entanto, continuo a adorar os dois.

É uma frustração quando somos impedidos de fazer aquilo que realmente queríamos. O mundo é injusto. Eu não tenho o problema da visão, mas a Força Aérea e a tropa não são propriamente para mim, por muito que goste de aviões. :P (As escolas privadas também são caras e ainda mais exigentes... :/) E, por outro lado, também quero constituir família e estabilizar, estando presente.

Enfim, pode ser que um dia ainda me encontres a conduzir o Metro de Lisboa. :P Hahaha.